sexta-feira, março 12, 2004

Histórias de amor (1)
Flora e Mário
Flora, bonita morena, pele, cabelos e olhos castanhos profundos, com seu ar de decidida, de repente passou a se interessar por fotografia. Seu padrinho, que fazia todas as suas vontades, compra uma câmera para a afilhada. Seu interesse súbito se explica pelos olhos muito azuis e pela simpatia de Mário, o atencioso descendente de italianos, dono da primeira e única loja do gênero da cidadezinha de Mococa, interior do estado de São Paulo.
Do flerte inicial ao casamento foi um pulo. Namorar era proibido, naquela época. Os dois começam a vida em uma casinha na fazenda, outro presente do padrinho.
A lida na fazenda, porém, não satisfaz o jovem Mário. Ele deseja ser capaz de sozinho sustentar Flora. Para isso, o casal resolve arriscar a sorte na cidade grande e se muda para São Paulo, levando o único filho ainda pequeno, José Leonardo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós!