terça-feira, fevereiro 03, 2009

No fundo do poço tem mola


A frase nem é nova, nem nada. 
Mas é tão verdadeira!!! 
Essa tal da C_ _ _ _ (jogo de forca) tá tirando as pessoas do sério.
Eu já disse antes (no blog Casa Amarela 140 - já foi lá?) que me recuso a repetir essa palavra. 
Prefiro palavras mais positivas, mais alto-astral. 
As chapuletadas (nunca escrevi isso antes) da vida costumam tirar a gente do rumo, do prumo, mas nada como uma boa noite de sono. O tempo, só de ir passando, o relógio, só de ir girando os seus ponteiros, levam a gente pro lado certo dessa vida. 
O importante é ocupar a cabeça e as mãos com coisas boas e criativas. 
Desse jeito, a ajuda vem. 
A ajuda vem de onde a gente menos espera. 
Ás vezes, uma pessoa muito mais jovem do que você te ajuda de uma forma tão arrebatadora que é difícil vc fingir que não viu. 
Deus encontra meios os mais incríveis de falar com a gente.... 
Nem que a gente tenha que usar um tom de voz mais alto lá com os Céus... 
Não sei se você já leu A Cabana, aquele livro. 
Eu li. Me senti meio desconfortável em certos momentos, com o jeito como ele "personifica" Deus, a Santíssima Trindade. E com o jeito como ele não usa a reencarnação pra explicar certas coisas (pra mim, ela explica tudo). 
Mas eu sei dizer que aquilo acho que ficou na minha cabeça e eu tive ontem uma conversa com Deus como eu nunca tinha tido antes. 
Se ele é nosso Pai, a gente pode falar com ele como fala com o nosso pai de carne e osso aqui na Terra, né?? 
Eu falei. 
Só sei que Ele me ouviu. 
E, como ele me ama, me respondeu, rapidinho. 
Agora, dá licença que eu vou chorar mais um pouquinho, mas agora é de alegria, pela certeza de ter sido ouvida. E pela resposta maravilhosa que tive Dele. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós!