quarta-feira, novembro 02, 2016

A Silvia morreu



Calma, não a de carne e osso, mas a Silvia pessimista, aquela que se menospreza e desvaloriza, aquela Silvia que pensa que ganhar dinheiro é muito difícil, quase impossível. Aquela Silvia que está pronta pra criticar e achar defeitos em tudo e em todos.

Aquela Silvia que sempre coloca os outros em primeiro lugar e enterra seus desejos e vontades.

Hoje morreu a Silvia que fica encontrando desculpas para as suas falhas. Aquela Silvia que não se permite errar.

Hoje morreu a Silvia baixo-astral.

Hoje morreu aquela Silvia sem graça e tímida, que não consegue se expressar oralmente direito, embora seu raciocínio seja afiado.

Morreu a Silvia que se perde entre mil afazeres e que não sabe priorizar.

Aquela Silvia que não quer levantar a bunda da cadeira para fazer o que é preciso fazer.

Morreu a Silvia que não sabe manter o bom humor e o alto astral, nas situações mais difíceis e espinhosas.

Morreu aquela Silvia que deixa o seu ego dominar tudo, sempre encontrando maneiras de deixá-la "para baixo" porque ela ainda não escreveu seu primeiro romance, ou porque ela ainda não obteve o sucesso profissional que imaginava conseguir quando estava na faculdade. Em uma das melhores faculdades do País, by the way.

Morreu aquela Silvia que não sabe argumentar, que não sabe se defender, quando está certa e quando tentam puxar o tapete dela, por ciúmes, inveja ou simplesmente porque não vão com a cara dela.

Morreu aquela Silvia que espera tudo acontecer e que fica de braços cruzados esperando um "milagre"!

Morreu aquela Silvia que não tem coragem de enfrentar os problemas, e que prefere se esconder a encarar de frente uma discussão que seja.

Na verdade, quem morreu foi o EGO da Silvia. Hoje, quem está no domínio é a CONSCIÊNCIA superior, a centelha divina que brilha no peito da Silvia. Hoje, está no comando a Regina, que ela também é.

Hoje, assume o controle a Silvia segura de si, madura, confiante, inteligente, capaz.

Hoje, quem manda aqui é a NOVA Silvia Regina que encara tudo e todos de frente e que ainda tem muitos sonhos para sonhar e realizar.

Descanse em paz, Silvia do passado.

4 comentários:

  1. Essa nova Silvia é aquela que sempre admirei :)
    Deixa essa outra que as vezes te domina para trás, todas nós temos esse "outro eu" que nos segura, mas temos que ser mais forte!
    AMEI o texto :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, querida amiga Mirella! Foi um texto que nasceu muito verdadeiro.... das entranhas da alma em um dia de Finados..... Obrigada! bjs

      Excluir
  2. Continuo sempre por aqui lendo e amando!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que legal saber disso!!!! Obrigada pela audiência!!! Eu não consigo parar de escrever, então, continuo também..... Olha que já são 13 anos de blog. Deve ser algum recorde. Pena que não dá $$$$, rsrsrsrs

      Excluir

Sua participação é muito importante para nós!