sexta-feira, janeiro 16, 2004

Álbum de Casamento
Faz vários dias que eu queria pôr aqui um link para um programa meio brega, com uma dublagem esquisita, que passa no People and Arts, chamado "'Album de Casamento". Mas não achei, então vai a seco, sem link mesmo.
O amor pode ser mesmo meio brega, meio cafona, mas é uma coisa universal, mesmo, como esse programa demonstra. Nas férias consegui ver mais vezes. As pessoas apaixonadas ficam meio bobas, falam que nem criancinha, ficam com aquela cara embasbacada. Mas aí entra a história das diferenças entre paixão e amor. Que vou deixar pra outro dia.

Mais outra coisa: incrível como os homens e as mulheres são mesmo de planetas diferentes. Enquanto eles se preocupam com a quantidade de mulheres, nós queremos é qualidade.

Ontem, na volta do almoço, eu e a Alê ouvimos um moço de uns 30 anos comentando pelo celular; "Tinha moooita mulher lá". E daí? Quem precisa de muita mulher? Não basta uma, especial? Ai, ai, vai entender esses homens. E o pior é o que o meu filho é igualzinho, só que 10 anos mais moço do que aquele que ouvimos ontem na calçada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós!