terça-feira, dezembro 27, 2005

Boas novas!!!


Como pode uma mera ligação telefônica levantar o astral de uma pessoa, não?
Ontem à noite a Cris Blanco me ligou, disse que tava vendo meu currículo, me perguntou como estavam indo as coisas, eu contei, depois me passou p/ o marido dela e ele quer me conhecer, falar de trabalho e coisa e tal. Nooossaaa!! Fiquei muito feliz. Por ter sido lembrada, mesmo nessa época "morna" em que eu tava desencanada, mas meio preocupadinha com o futuro, obviamente. Sei que várias coisas podem dar certo, mas por enquanto são apenas possibilidades, e as minhas dívidas são muito concretas. Enormes, do tamanho dessa casa.

Balanço do ano: o sonho realizado (o da casa maravilhosa) veio acompanhado de noites de insônia e de preocupação com as dívidas, ainda mais agora, sem certeza de nada. Porém, o coração ficou mais leve, a vida mais calma, sem trânsito, eu fiquei muito mais próxima do maridão e dos meus queridos filhos (foto), a coisa mais importante, sem dúvida. Conclusão: acho que o ano foi positivo.

A gente tenta controlar a vida da gente ao máximo, mas esquece que muitas vezes não temos controle absoluto das situações. Nesses casos, o melhor a fazer é confiar na Providência Divina, acreditar que Deus olha por nós, seu filhos e que tudo o que deve ser será, tendo em vista nosso progresso como seres espirituais que somos, acima de tudo.

Eu quero aproveitar a oportunidade e desejar a todos os meus queridos visitantes, os que têm e os que não têm blogs, que sejam muito felizes em 2006. Que um novo mundo de possibilidades se abra à sua frente, um novo caminho, um novo olhar para as coisas que já fazem parte da nossa vida, que as luzes do Natal continuem iluminando cada um dos 365 dias de 2006. Não custa nada lembrar ainda que a soma de 2006 é 8, que simboliza o infinito. Por isso, acredito que esse será um grande e maravilhoso ano nas nossas vidas.

Quero deixar registrado aqui o meu imenso carinho e desejo das melhores vibrações do Universo pela Monica, pela Roberta e pela Nana, que não têm blogs, mas que me visitam sempre aqui no "Consulta". Pela Estela, que quase nunca vem, mas é minha amiga de verdade. Pela Luciana Saito, que virou mamãe este ano, pela Luciana que é minha "filha adotiva" do coração, minha afilhada, minha queridinha! Que encontrou seu "princípe encantado" este ano. Pela escritora que eu admiro muito, a Sonia Corazza, e mãe da Mariah. Pela querida Fran, que eu só "descobri" de verdade depois de ler o seu incrível e delicioso blog. Pela divertida colega de trabalho (ou melhor "purgatório") Giose, que anda lá longe pelas plagas da Austrália! E como falar da Gi sem falar da Carol e da Marília, companheiras de suplício? Ah, sim, e pela Eliene (que ainda não tem blog), pelo Alexandre, que continuam no "purgatório"... Pela Mirella, nova amiga que me ajudou, quando eu decidi que ia embora pro Canadá (mas logo depois desisti da idéia). Pela Zana, que também mora no Canadá e sempre me deixa com água na boca, quando publica as fotos com neve!!!! Pela Ciça, que conheci pessoalmente e adorei! (e que me indicou minha doce e sensível funcionária Gabi, que obviamente não agüentou o purgatório durante muito tempo...). Minha crítica de cinema preferida de todos os tempos, a Maitê. Pela minha xará, com quem tenho planos de desenvolver altos saraus poético-literários-psicológicos em 2006 aqui em casa. Pela Maith, minha inspirada escritora de contos preferida, que invariavelmente me emociona com suas lindas histórias de final feliz. Pela Cris Alcântara, artista plástica mega-criativa tanto no desenho quanto no texto. Pelo Henrique e seu modo de enxergar o mundo, sempre de um ângulo inusitado. Pelo meu querido e adorado pai, com quem vou ter a felicidade de passar o Reveillon!! E também vou ajudar a inaugurar a banquinha que ele vai ter na feirinha de artesanato de Caraguá a partir do dia 2 de janeiro! Quem estiver por lá na primeira semana de janeiro, pode ir visitar, viu?? Pela querida e distante amiga Sandra, com quem eu quase já me encontrei! (mas ainda não deu...). Pela Ivis, que parece até que já conheço pessoalmente, tanta é a minha admiração por ela, que se tornou a sra Chaps, esse ano. Pelo taxista menos taxista e mais escritor de todo o universo, o Mauro. Pela mineira mais querida e assídua aqui no "Consulta" (a enfermeira mais jornalista que conheço), a Jacque.

Pela recém-chegada Roseli (não posso pôr o link, sorry!!), com quem eu não falava muito, mas agora que ela tá em Londres, a gente se fala mais pelo MSN, veja só.

Pelas amigas que, embora apareçam pouco, são igualmente queridas e admiradas, a carioquíssima Elis, a baiana Lila Andrade, a Renata (de Brasília), a Rosana.

Também pelos amigos virtuais que sumiram, mas que levaram com eles um pedacinho do meu coração: a Adriana, a Stela, a Morgana, o Dígito.

E pela Alê, que deixei por último de propósito porque eu gosto muito, muito dela. A gente brigava, mas se entendia, quando a gente trabalhava juntas. Eu admiro muito a força dessa moça. Ela foi muito legal comigo agora que saí do emprego. Rezo para que Deus a ilumine, agora que ela tem tanto "poder", para que aja sempre com justiça e sabedoria. Que aprenda a conquistar a autoridade se forma suave e doce. E que encontre o seu "principe encantado" em 2006! Pronto. Fiz declaração de amizade pública.

Ah, mas tem muita gente que mora no meu coração. Tem gente que nem sabe que mora aqui. Mas mora. E paciência... devo ter esquecido de mencionar alguém, mas espero ser perdoada, tudo culpa desses 47 anos rodados. Não é bolinho, não...

Feliz 2006!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós!