sexta-feira, agosto 26, 2005

Elis Regina
Não a cantora, mas a praça. Moro ali do lado.
Resolvi andar às segundas, quartas e sextas, como já contei aqui.
Tudo bem que às vezes falho no meu propósito. Até aí, normal.
Hoje fui andar na praça.
Prefiro a USP, mas a praça tá ali do lado mesmo.
O que me incomoda profundamente é o lixo.
Outro dia o Mauro falou no assunto. E eu comentei. E o Plínio comentou sobre o meu comentário. E eu respondi... Nossa, foi longe.
Pra mim é uma coisa tão óbvia que as pessoas não deveriam jogar cotonestes, papel de bala, bitucas de cigarro, papel celofane, deveriam recolher o coco dos seus cachorros, que eu não me conformo com a sujeira da praça.
Fico olhando as árvores, o céu, tudo pra não olhar praquela sujeira toda.
A Elis deve se revirar no túmulo de tanto desgosto.
Mas eu moro na "periferia", né? Fazer o quê?
Muita gente circula por ali.
Tem os tipos de todos os dias.
O senhor cego, com a sua bengala, todo dia no mesmo horário.
Tem um mendigo que cuida de uma cachorra gorda e baixinha chamada Matilde (o nome tá numa plaquinha pintada, em cima da casinha dela). O mendigo é muito asseado. Varre seu pedacinho com meticulosidade.
Daí, resolveram dar uma geral na praça.
Hoje havia 49 sacos de 100 litros de lixo esperando para ser recolhido. É só fazer as tristes contas...
Bom, contei as árvores também: 35.
E hoje era dia de passeio de todas as velhinhas do bairro.
Mais de 50 velhinhas simpáticas e bonitinhas.
Mas como elas tiveram que atravessar a praça p/ tomar o ônibus, e eu tinha acabado de encarar, com a minha pior cara brava, um senhor "senducação" que não recolheu a "obra" do seu cachorrão, com certeza absoluta uma das senhorinhas pisou, ah, pisou sim.
Muita gente leva o cachorro pra passear com aquele saquinho de supermercado pra recolher a caca.
Mas ainda estamos longe, muito longe de sermos um país civilizado.
Se bem que em outra praça onde eu gosto de andar, no Alto de Pinheiros, parece que a gente tá na Europa, de tanta limpeza e organização.
Ah, falei tanto que tô sem inspiração p/ o final.
Falta contar apenas que estamos em época de "vacas magras" lá em casa, cortando tudo o que pode e não pode ser cortado do orçamento.
Mas amanhã a gente vai ter ajuda profissional pra tentar por ordem no galinheiro.
Depois eu conto.

Um excelente fim de semana pra todos!

Até segunda (porque lá em casa uma das coisas que "rodou" foi o Virtua - ai, ai, que falta que faz...)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós!